Natureza dá seu recado no final de ano

20140101-104944.jpg

Os dias que antecederam 31 de dezembro mostraram céus magníficos no Rio. A combinação com nuvens de chuva gerou bonitos arco-íris. No dia 31, formou-se um paredão de nuvens lá paras bandas da Zona Norte, que ameaçava estragar a festa dos fogos em Copacabana. Curiosamente, as televisões ignoraram a possibilidade de um temporal. Ou têm acesso a informações mais precisas sobre o clima, ou não quiseram alertar o público para não diminuir a participação da população na festa. E se o temporal se confirmasse com 2 milhões de turistas nas ruas esperando os fogos? Certamente seria uma tragédia impossível de prever. Uma fatalidade, como nossos governantes gostam de classificar. As nuvens eram de chuva mesmo. Na Pavuna, zona de pecadores ou que pagam pouco IPTU, choveu forte e teve até granito.

Pra mim, temente às superstições em geral, foi uma mensagem dos céus. A Natureza informa gentilmente que o povo brasileiro pode ser otário, mas ela não está nem aí, se tiver que chover, ventar, alagar o país onde as verbas de obras desaparecem, o céu vai cair na cabeça do populacho.

Todos alertados, feliz 2014.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.