I am Pilgrim [Terry Hayes]

Eu recomendo. “I Am Pilgrim” (Eu Sou Peregrino) ainda só está disponível em inglês. É boa pedida para comprar no Kindle. É um thriller sobre aquele agente secreto atormentado que tenta se aposentar (mais um!), mas é envolvido numa missão cascuda. Se ele fracassar, pode ser o fim do mundo, ou algo perto disso. O livro é a estreia do roteirista Terry Hayes como autor de livro de história de ação. O autor tem currículo famoso, passando pelo roteiro do também thriller “O Troco”, que gerou bom filme com Mel Gibson. Hayes também é conhecido pelas primeiras edições da franquia Mad Max. O autor reconhece a forte influência do ritmo do cinema de ação em seu estilo.

O livro é bom. Entrega o que promete. É uma história envolvente, com referências várias a eventos do atual milênio. Claro que o 11 de setembro tem papel de destaque. O livro é grande, mais de 600 páginas, mas sua leitura oferece o prazer do thriller policial. Eu Sou Peregrino (espero que este seja o nome do livro no Brasil) coloca frente a frente o ex-agente da CIA, que de tanto trocar de nome já nem sabe bem qual é o verdadeiro, com o terrorista que atende pelo apelido de “O Sarraceno”. Podemos dizer do terrorista que “o cara é bom”. Terry Hayes utiliza bem os flashbacks e faz eficiente descrição dos personagens, apresentando as nuances de suas personalidades e, com isso, criando a desejada “suspenção de nosso senso crítico”. Daí em diante, é ler e se deliciar com a história.

A MGM já comprou os direitos de filmagem e pretende fazer uma série de filmes de ação em torno do atormentado agente, na linha de James Bond. Vai bombar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.